OMS alerta para epidemia de IST: 1 milhão de novos casos a cada dia

A Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou um boletim nesta sexta-feira, 7, alertando para a propagação desenfreada de infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) no mundo e recomendou o uso de preservativos como forma de prevenção.

A cada dia, há mais de 1 milhão de novos casos de infecções curáveis em pessoas de 15 a 49 anos, de acordo com a entidade. O número equivale a mais de 376 milhões de novos casos anuais de clamídia, gonorreia, tricomoníase e sífilis. Todas as quatro doenças estão associadas a um risco aumentado de adquirir e transmitir o HIV.

Em média, aproximadamente 1 em cada 25 pessoas no mundo tem pelo menos uma dessas ISTs, conforme os números mais recentes, com algumas tendo múltiplas infecções ao mesmo tempo.

ISTs podem manifestar sintomas, mas podem ser assintomáticas

“Este é um alerta para um esforço conjunto, a fim de garantir que todos, em todos os lugares, possam acessar os serviços que necessitam para prevenir e tratar essas doenças debilitantes”, afirmou Peter Salama, diretor executivo para Cobertura Universal de Saúde e Curso de Vida da OMS.

Entre os sintomas comuns de uma IST, podem estar lesões genitais, corrimento uretral ou vaginal, dor ao urinar e, nas mulheres, sangramento entre menstruações. No entanto, a maioria dos casos é assintomática. Ou seja, as pessoas podem não estar cientes de que têm uma infecção antes do teste.

De acordo com o boletim da OMS, essas ISTs têm um impacto profundo na saúde de adultos e crianças no mundo. Se não forem tratadas, podem levar a efeitos graves e crônicos à saúde, dentre os quais doenças neurológicas e cardiovasculares, infertilidade, gravidez ectópica, natimortos e aumento do risco de HIV.

OMS recomenda o uso de preservativos para conter epidemia

Estima-se que a sífilis foi responsável por 200 mil natimortos e óbitos de recém-nascidos em 2016, tornando-se uma das principais causas de perda de bebês no mundo.

Os tipos de ISTs:

• Tricomoníase é a mais comum das IST curáveis no mundo. É causada pela infecção por um parasita durante a relação sexual. Clamídia, sífilis e gonorreia são infecções bacterianas.

• A clamídia e a gonorreia são as principais causas de doença inflamatória pélvica e infertilidade em mulheres.

• A sífilis pode causar doenças cardiovasculares e neurológicas graves. O período de incubação, em média, é de três semanas, mas pode variar de dez a 90 dias.

Veja também: 7 informações que TODO MUNDO precisa saber sobre HIV e IST

OMS alerta para epidemia de IST: 1 milhão de novos casos a cada dia publicado primeiro em https://catracalivre.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s